No espaço -Por Emerson de Ossãe


Se eu pudesse cavalgar,
entre estrelas e o infinito,
veria que o tempo,
as vezes simplório ou magnifico,
teria a intenção de vicejar  ilusões inconstantes
na espera do tempo, aquele que cura
até a mais profunda dor,
que o mesmo tempo teima em alimentar.
E no espaço, não teria espaço para minhas ilusões.

Por Emerson de Ossãe