SAUDAÇÃO AO ORIXÁ OSSANHA...SALVEM AS FOLHAS





















Sem folhas não podemos compreender a possibilidade da vida se manter e ter continuidade, seu sangue também é o nosso, sobre elas pisam nossos ancestrais e os Orixás sobre elas vem saudar e visitar seus filhos, sem elas não há festa, não há axé, não há vida ou força, sem elas não há nada. Esta música foi feita em saudação a um senhor de muitos nomes, sendo que pelo qual ele é o mais amado é o de "Senhor das folhas sagradas", 

Ossaim para algumas nações de Candomblé, Agué ou Kat[
endê em outras, senhor dos mistérios das ervas, que conhece seus segredos e encantamentos. 

Ewê-ô ! Salve as folhas!Salve Os
saim, salve Katendê, 
salve Agué!